terça-feira, 20 de dezembro de 2011

The Old Dutch (Holambra) - 18/dez/2011

Holambra, Cidade das Flores, com 8.000 habitantes, distante 130 km de São Paulo é um dos 29 municípios paulistas considerados Estâncias Turísticas pelo Estado de São Paulo, por cumprirem determinados pré-requisitos definidos por Lei Estadual.

A agricultura é a principal atividade econômica de Holambra. O município é o maior exportador de flores da América Latina, sendo responsável por 80% da exportação e por 40% da produção do setor florícola brasileiro. Assim como em Aalsmeer, nos Países Baixos, as flores são comercializadas diariamente através de um leilão eletrônico. O leilão (veiling em neerlandês) é realizado na cooperativa Veiling Holambra, que é o principal centro de comercialização de flores e plantas do Brasil.

São várias opções gastronômicas da culinária holandesa, cervejas e casas de doces típicos. Para almoçar, escolhemos o The Old Dutch, indicação de uma amiga de minha esposa. Gostamos muito do local, comida muito boa e farta, sem falar do local muito charmoso e hospitaleiro. As boas vindas já começa na entrada do The Old Dutch, onde você é recebido pelo simpático e cordial proprietário Robert Jager.

Não deixe de conhecer Holambra !.
 

Robert, proprietário do The Old Dutch e eu

Vista interna do restaurante

Objetos de coleção do Robert
  

Confeitaria Zoet en Zout



Árvore de Natal feita com garrafas de cerveja
  
Casa Bela Café Bar e Restaurante

segunda-feira, 19 de dezembro de 2011

Fettuccine al pomodoro - 15/dez/2011



Ingredientes
250g de Fettuccinne
4 Tomates, sem pele e sem semente cortado em cubos
30 ml de azeite extravirgem
1 dente de alho picado
Queijo parmesão ralado
Manjericão
Sal




Preparo do tomate
Ferver 1 litro de água
Fazer um "X", não muito profundo, na parte de cima do tomate
Colocar os tomates na água fervendo por 1 minuto
Retire e mergulhe os tomates numa bacia/bol com água gelada por 1/2 minuto
Agora é só puxar a pele do tomate

Molho
Refogar o alho no azeite.
Refogue o tomate até ficarem macios.
Colocar o manjericão e o sal a gosto.

Finalização
Misturar a massa com o molho, na própria frigideira, em fogo médio (2 minutos)
Servir com parmesão (ralado grosso)

quinta-feira, 8 de dezembro de 2011

Grano Duro - 08/dez/2011

Resumo do que você gostaria de saber sobre Macarrão de Grano Duro. Pesquisei o assunto na Internet e fiz o resumo que segue abaixo:

O macarrão grano duro é chamado assim porque é elaborado a partir de um trigo especial chamado trigo durum.

O macarrão do tipo grano duro fica naturalmente al dente, ideal para a boa mastigação.

Outro fato interessante sobre o macarrão de grano duro é que o seu cozimento produz menos amido (substância que dá aquela coloração branca à água do macarrão) e isso resulta em uma massa que gruda menos durante o cozimento.

A diferença de preço entre várias marcas de macarrão é porque uma delas é feito com farinha de trigo de grano duro, importada, enquanto o outro é produzido com farinha de trigo comum.

A farinha de grano duro precisa ser importada, já que as condições de clima e solo brasileiras não permitem o plantio deste tipo específico de trigo.

O resultado é que tanto o macarrão importado quanto o nacional acabam tendo em preço muito semelhante quando falamos de macarrão de grano duro.

terça-feira, 6 de dezembro de 2011

Fettuccini al funghi secchi - 05/dez/2011

150g Massa fettuccini (grano duro)
25g Manteiga
20g Funghi secchi
1 Dente de alho picado
2 Colher de sopa de azeite
100ml Vinho branco
200ml Creme de leite fresco
Pimenta do reino
Noz moscada
Queijo parmesão

Preparo:
Corte o funghi em pedaços de 1 cm
Lave bem o funghi durante 10 minutos, escorrer
Colocar água fervente sobre o funghi por 5 minutos, escorrer

Molho:
Utilizar panela WOK ou frigideira grande
Derreta a manteiga com o azeite e doure o alho
Refogue o funghi
Coloque o vinho e cozinhe em fogo baixo por 5 minutos para reduzir o líquido
Coloque o creme de leite e cozinhe até engrossar o molho
Coloque a pimenta do reino moída na hora, uma pitada de noz moscada e acerte o sal.

Massa:
Cozinhar o fettuccini em água salgada (al dente) escorrer

Finalização:
Misturar a massa com o molho, na própria frigideira ou WOK, em fogo médio (2 minutos)
Servir com parmesão (ralado grosso)

Ronco do Bugio - 03/dez/2011


A indicação do passeio de hoje é de uma pousada e restaurante localizada dentro da  reserva florestal, na Serra de Paranapiacaba, em Piedade, à 113 km de São Paulo. Ronco do Bugio.

Leva-se umas 2 horas para chegar lá, mas a demora compensa pela paisagem, o esmero com que a pousada e o restaurante foram construídos e sem falar da comida muito que é prá lá de saborosa.

Ao invés de ficar aqui escrevendo sobre o Ronco do Bugio, veja algumas fotos, navegue pelo "site" e tire suas conclusões, vale a pena !.






Bolinho de arroz com açafrão, amêndoas e queijo gruyère

Ravioloni de queijo fresco e mussarela com molho de tomates frescos e ervas

Picadinho de filet mignon com pastel de queijo, farofa,
ovo caipira estrelado, banana à milanesa, arroz e feijão

Risoto de alcachofra com pesto de manjericão

Peito de frango recheado com nozes e manjericão com
gnocchi de mandioca ao molho de ervas e pimenta rosa