segunda-feira, 13 de abril de 2015

Apfelstrudel - torta de maçã

Torta de maçã tipo torta alemã Apfelstrudel.


Ingredientes:
1 pacote de massa folhada laminada (300g Arosa)
2 a 3 maçãs
4 colheres de sopa de uva passa sem semente
3 colheres de sopa de farinha de rosca
1 colher de sopa de canela em pó
Suco de 1 limão
2 colheres de sopa de açúcar



Modo de fazer:
Descongelar a massa folhada conforme instruções da embalagem
cortar as maçãs em cubos em manter numa tigela com o suco do limão (para não escurecer as maçãs)

desenrolar a massa sobre o papel filme
salpicar a farinha de rosca (deixando uma borda de 3 cm em todos os lados)
adicionar a maçã e a uva passa
salpicar o açúcar e a canela

passar água com os dedos ou um pincel nas bordas
fechar uma parte da massa sobre a maçã
fechar a outra parte sobre as maçãs, ultrapassando uns 2 cm 
dobras as extremidades para não vazar o recheio
colocar numa fora untada com água
assar em forno médio (180º) por aproximadamente 40 minutos

A farinha de rosca é para absorver parte do líquido das maçãs durante o cozimento.



Sopa de Entulho

Sopa de legumes e feijão branco. Veggy !!


Ingredientes:
500g de feijão branco (aproximadamente 2 1/2 xícaras)
3 cenouras cortadas em rodelas
1 cebola picada
200g de vagem picada
2 batatas grandes cortadas em cubos
4 tabletes de caldo de legumes
2 colheres de sopa de azeite
2 l de água
Sal e pimenta q.b.

Modo de fazer:
deixar o feijão de molho durante 1 hora´
após, escorrer e reservar

refogar a cebola no azeite
adicionar o feijão, misturar bem
acrescentar 500ml de água
cozinhar na pressão por 15 minutos

adicionar a cenoura, a vagem a batata e os cubinhos de legumes
adicionar o restante da água (1,5 ml)
cozinhar na pressão, em fogo médio por 15 minutos
acertar o sal e a pimenta.


domingo, 5 de abril de 2015

Pastiera Napoletana - torta da Páscoa 05.04.15 revisada em 21.04.19


 
Pastiera Napoletana, antigo bolo napolitano servido na Páscoa. É uma torta recheada com uma pasta macia e amarelada feita de queijo ricotta, trigo cozido, ovos, especiarias e frutas cristalizadas. É uma sobremesa tradicional com diferentes variações e truques que se alteram de família para família. 

Na versão clássica são usados a canela, a  água de flor de laranja, enquanto que nas versões modernas combinam-se ingredientes de gostos e sabores às vezes duvidosos. 

A origem da Pastiera é muito antiga. Em cultos pagãos ela era preparada para celebrar a chegada da primavera. 

Ao longo do tempo tornou-se habitual seu preparo para a festa da Páscoa. 

A receita aqui preparada é a clássica, ficando ao seu critério a adição ou a remoção de algum ingrediente.

Ingredientes:

Massa Frolla:
350g farinha de trigo
160g manteiga gelada em cubos

130g açúcar
3 gemas peneiradas
1 pitada de sal

Recheio:
200g trigo pré cozido
300 ml leite integral 
30g manteiga
1 limão siciliano (raspa de 1 limão)
400g ricotta
280g açúcar
2 ovos inteiro peneirado
2 gemas peneirada
20 ml água de flor de laranjeira
1 colher de chá de canela em pó
1 vanilla
50 g cidra cristalizada
50 g laranja cristalizada 

Modo de fazer:
Deixar o trigo de molho por dois a três dias
Escorrer, reservar

Massa Frolla
Juntar a farinha, a manteiga, o sal e o açúcar (nesta ordem)
Misturar bem até obter uma farofa
Acrescentar as gemas
Misturar bem
Fazer um retângulo com a massa
Envolver em papel filme
Deixar na geladeira por 30 minutos
 
Recheio:
Cozinhar o trigo com leite, a manteiga e as raspas do limão em fogo médio, por 30 minutos depois ter levantado fervura.
Deixar o creme de trigo esfriar por completo

Num bowl, bater os ovos, as gemas e o açúcar, até obter um mistura esbranquiçada
Adicione a ricotta (moída e peneirada)
Misture bem
Adicionar, nesta ordem: o creme de trigo, a água de flor de laranjeira, a canela, a vanilla e as frutas cristalizadas 

Montagem:
Abrir a massa (espessura não muito fina)
Cobrir com a massa, o fundo e as laterais de uma forma redonda (24 cm)
Adicionar o creme
Decorar com tirinhas de massa
Assar em forno pré aquecido à 180º/200º por 30 a 40minutos
Deixar esfriar por 5 horas
Servir  
   



sábado, 4 de abril de 2015

Pizza Chena Napulitna - (04.04.2015 e 08.02.2017)

A páscoa era o período mais esperado na minha casa. Tempo de ganhar ovos de chocolate e a época em que meu pai fazia a Pizza Chena, uma torta para se comer fria (no dia seguinte), que aprendeu com minha avó Paschoalina. Em casa era sagrado, todo ano tinha.

Lembro que no sábado, que antecedia a Páscoa, íamos para a cidade, no Argenzio, um a loja de laticínios que ficava na Praça do Patriarca, se não me falha a memória, comprar os ingredientes da pizza: presunto crú, coisa difícil de achar pelos bairros, o grana padano e o queijo prato. Comprava o bastante para fazer duas a três assadeiras grandes, para distribuir pedaços pela família.

Não existe uma receita por escrito e nem se sabe de qual região da Itália ela vêm. Sempre soube que era uma receita Napulitana, há divergências quanto a isso

É uma receita de família, cada família tem a sua. Era passada de boca em boca, mas o básico da receita todas tem: queijo, ovos, e embutido (uso presunto parma). Bem, como não tenho a receita, acho que nem ele tinha - as quantidades estavam na cabeça dele - as medidas da receita são mais ou menos um pouco disso um pouco daquilo, mas o resultado final é muito bom.

Para a massa:
500g de farinha de trigo
1 colher de chá de fermento em pó
50g de margarina
150/200 ml de água gelada
3 gemas 
1 colher de sobremesa, rasa, de sal

Para o recheio, usei as quantidades abaixo.
500 g de presunto crú
500 g de queijo prato ou gouda
12 ovos (se for pequeno usar 14)
1 gema para pincelar
10 g de orégano desidratado (um pacotinho)
200g xícaras de queijo tipo grana padano ou parmesão ralado (não usar o de pacotinho)
1 colher de sobremesa de pimenta do reino

Preparo:

Massa:
misturar todos os ingredientes até que a massa desgrude da mão
se necessário, adicione mais água ou farinha ...
deixar descansar por uns 30 minutos

Ovos:
bater os ovos com o queijo ralado, o orégano e a pimenta do reino


Montagem:
forrar uma assadeira com 3/4 da massa

derramar os ovos batidos, suficiente fazer uma camada sobre a massa
colocar uma camada de queijo prato
colocar uma camada de presunto crú
repetir até terminar os ingredientes (ovos, queijo e presunto)

Cobrir com o restante da massa
Pincelar com uma gema batida

Assar em forno à 180º por 40 minutos
Deixar esfriar.
Ela é para ser consumida em temperatura ambiente e dia seguinte à sua preparação, normalmente Domingo de Páscoa

... é assim que eu gosto de comer a Pizza Chena.

Em forma única ou em formas menores descartáveis

Bandejas de alumínio descartáveis de 1250, 750 e 500


Sobrou massa e recheio. Fiz um pãozinho