quarta-feira, 31 de julho de 2013

Spaguetti de Abobrinha com Molho de Queijo Cottage


Como o mesmo cortador de legumes em fios, fiz o spaguetti de Abobrinha. Não sei precisar quantas calorias ele ficou, a Bruna deve fazer o cálculo. Com certeza, pelos ingredientes ficou muito light.

Ingredientes:
100 gr de Abobrinha cortada em fios
100 gr de queijo Cottage
80 ml de leite desnatado
1 colher de sopar de farelo de aveia
Sal light
Pimenta do reino 
Noz moscada
5 nozes mariposa (mariposa é a metade de má noz)

Molho:
Cozinhar o Cottage, o leite, a aveia, a noz moscada, a pimenta do reino e o sal
Após levantar fervura, diminuir o fogo para o mínimo
Bater a mistura com um mixer
Cozinhar em fogo baixo por 5 minutos

Abobrinha:
Colocar os fios de Abobrinha em água fervente
Deixar por 4 minutos

Servir:
Colocar a Abobrinha no centro de um prato
Acrescentar o molho.



Spaguetti de Cenoura com Molho Gorgonzola


 Se não fosse o gorgonzola, seria uma receita light. Ainda não tinha usado o cortador de legumes em espiral que minha esposa me deu de aniversário. Hoje foi o dia. 

Peguei duas cenouras e fui experimentar o cortador que resultou em fios parecidos com espaguete.

Para um bom spaguetti, faltava um molho, ai veio a idéia de um molho de sabor forte para contrastar com o sabor adocicado da cenoura, usei o queijo gorgonzola.

A combinação ficou perfeita e o sabor ótimo. A receita;

Ingredientes:

2 cenouras grandes
125 gr de queijo gorgonzola
150 ml de espumante demi sec ou brut
Pimenta do reino
Noz moscada
Salsinha

Molho:
Derreter o gorgonzola, acrescentar o espumante, a noz moscada e a pimenta do reino.
Cozinhar até ferver
Diminuir o fogo e cozinhar por mais 5 minutos

Cenoura:
Colocar o spaguetti de cenoura na água fevente
Cozinhar por aproximadamente 3 minutos.
O spaguetti tem que ficar al dente, caso contrário os fios de cenoura vão amolecer e quebrar.

Servir:
Colocar o spaguetti no centro do prato acrescentar o molho de gorgonzola, salpicar com salsinha e pronto.





segunda-feira, 22 de julho de 2013

Risoto de Camarão




Na dúvida, vou falar dos dois: vinho maravilhoso; o prato, risoto de camarão.

Sou suspeito para falar, pergunte ao Marcelo, meu genro ! - e assim começa nossa noite gastronômica de sábado.


O Vinho
Num sábado, quatro a cinco meses passados, fui comprar na Casa Flora um vinho chileno que gosto muito, o Nimbus Sauvignon Blanc, da vinícola Casablanca. Da prateleira, desci duas garrafas para o carrinho, quando um rapaz se aproximou e começamos a conversar sobre a qualidade desse vinho.


Rodolfo - Sommelier, era o nome e título que estampavam seu crachá, perguntou se podia me indicar outro vinho, na mesma faixa de preço, porém de uma vinícola do velho continente e segundo ele sua qualidade e sabor iriam me surpreender. Convencido, troquei as garrafas pelas francesas indicadas da vinícola Denis Dubourdieu, região de Bordeaux, o Château Reynon - Sauvignon Blanc.
Em casa, acondicionei as garrafas no "barzinho" para beber numa data qualquer. Fui para a internet pesquisar o tal "rodolfo sommelier casa flora". O google me retornou muita informação. Rodolfo não era apenas um sommelier e sim um renomado professor nessa área com diversas especializações internacionais sobre vinhos etc. ... trecho extraído da internet:

"Rodolfo Chaves - Professor da Associação Brasileira dos Sommeliers (ABS), e embaixador credenciado dos vinhos Bordeaux no Brasil pelo CIVB - Conseil Interprofessionnel du Vin de Bordeaux - , o consagrado Sommelier Rodolfo Chaves, formado na ABS - SP em 2001, é graduado Sommelier profissional pela AIS, Association International de la sommellerie em 2008 e também graduado em nível 1 na Wine Spirit Education True. Colunista da revista e site Decorwens, também trabalha como Sommelier de vinhos e cervejas na Casa Flora Importadora, tendo como principais atividades o desenvolvimento de marcas junto das equipes comerciais de todos os canais de vendas e apresentações de vinhos em lojas e restaurantes de todo o Brasil. Para aperfeiçoar o conhecimento em Viticultura, viajou para França, Itália, Espanha, Portugal, Chile e Argentina."

Ingredientes:
200 g de arroz Carnaroli ou Arbóreo
300 g de camarão
30 g manteiga
50 g cebola picada
1 dente de alho picado para marinar o camarão
1,5 ml caldo de camarão
250 ml vinho branco seco
Queijo (tipo grana) ralado
Pimenta do reino branca
50 ml de azeite
1/2 colher de café de açafrão
Suco de 1/2 limão siciliano
Sal


Caldo:
Ferver em 2 litros de água:
1 tablete de caldo de camarão ou de legumes
1 folha de louro
1 cenoura picada
2 dentes de alho
Coar

Camarão:
Marinar o camarão no limão e alho picado por dois minutos
Grelhar os camarões por um minuto
Reservar

Risoto:
Utilizar fogo médio/alto, e não deixar de mexer o arroz
Numa panela, refogue a cebola no azeite
Junte o arroz e frite por dois minutos
Acrescente o vinho branco, cozinhe até quase evaporar totalmente
Acrescentar uma concha de caldo, a medida que o líquido for secando
Verifique o ponto. O arroz deve ficar "al dente"
Corrija o sal e a pimenta
Na penúltima concha d´agua, acrescentar o açafrão, o queijo ralado, e o
Camarão
Cozinhar por um minuto
Desligar o fogo, acrescentar a manteiga gelada, em pedaços, tampar a panela por dois minutos.
Servir.

Dica:
o arroz deve ficar com aspecto meio "papa". No caso do arroz secar, acrescentar um pouco do caldo.

Ao Professor Rodolfo, meus agradecimentos pela indicação do vinho, simplesmente maravilhoso !.


 
 







quinta-feira, 18 de julho de 2013

Arroz Preto com Camarão

Ingredientes:
300 g Arroz preto, já cozido
400 g Camarão (21/25)* 
200 ml Espumante Brut
100 ml Creme de leite fresco
80 g Parmesão ralado
1 Cebola picada
3 dentes de alho picado
Sal
Azeite
Coentro
Salsinha
1 colher rasa de sobremesa de suco de limão
1 colher de sopa de Manteiga
Pimenta do reino
Pimenta dedo-de-moça picada, sem semente

* Camarão 21/25 - vinte um a vinte cinco camarões por kilo

Camarão com Espumante:
Marinar por dez minutos o camarão com alho, sal, pimenta do reino e o suco de limão
Numa frigideira em fogo alto, grelhar os camarões
Acrescentar o espumante, cozinhar até que o líquido reduza pela metade
Acrescentar a pimenta vermelha, o creme de leite
Quando levantar fervura, abaixar o fogo, e cozinhar por 2 minutos
Dica – usei camarão sem ser pré-cozido. Se utilizar o camarão pré-cozido, reduza o tempo para que o camarão não fique muito duro.

Cozimento do Arroz Preto:
Dica - Usar panela de pressão
Refogar no azeite a cebola, e dois dentes de alho
Fritar o arroz por dois minutos
Adicionar água quente até que fique dois dedos acima do arroz.
Fechar a panela de pressão.
Cozinhar o arroz, e ir controlando o seu cozimento para que fique al dente. Para saber se está ou não no ponto desejado, só experimentando !
Se a água estiver muito baixa, acrescente mais água quente.
Ao final do cozimento, retire o excesso da água.

Risoto do Arroz Preto:
Refogar em azeite um dente de alho.
Colocar o preparado de arroz preto, fritar por um minuto
Acrescentar a manteiga
Se necessário, acrescente um pouco de água do cozimento do arroz
Adicionar o queijo parmesão
Mexa até o mistura ficar bem homogênea
Dica importante: o arroz preto não é indicado para fazer risoto, então para deixar com cremosidade de risoto, tem que dosar bem a água e a manteiga.
Salpicar salsinha no camarão
Servir com o arroz preto